Qualidade do sono afectada nas férias

Estudo do Hospital Doutor Peset de Valência

06 agosto 2007
  |  Partilhar:

 

Um estudo do Hospital Doutor Peset, em Valência, Espanha, revela que são habituais os transtornos do sono em época de férias. Entre os factores que retiram qualidade e quantidade ao sono estão o calor, o ruído nas ruas que se ouve mais com as janelas abertas, a mudança de colchão ou o ambiente seco provocado pelo ar condicionado.
 

 

Médicos da Unidade de Patologias do Sono do Serviço de Neurofisiologia Clínica do Hospital Doutor Peset, em Valência, Espanha, elaboram, anualmente, cerca de 500 estudos sobre o sono para detectar e tratar problemas como a insónia, a apneia e outros transtornos do sono.
 

 

Além das causas a cima reportadas, Juan Moliner, chefe do serviço hospitalar e líder do estudo, disse que os problemas do sono em época de férias também têm que ver com um maior consumo de estimulantes - como o tabaco - e de bebidas alcoólicas que impedem um sono reparador. "O álcool produz um sono fácil, mas de fraca qualidade, motivo pelo qual não é uma substância recomendada como indutor do sono", salientou.
 

 

O especialista chamou também a atenção para a necessidade de evitar excessos alimentares, principalmente à noite. "No Verão, também fazemos mais exercício físico, mas se nos excedermos e o fizermos ao fim da tarde ou à noite não devemos esquecer que o desporto em excesso é um inimigo do sono", realçou. E, por fim, sugeriu aos viciados no trabalho que não pensem, à ida para a cama, no que conseguiram esquecer de dia".
 

 

Fonte: JN
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.