Psoríase relacionada a risco de crise cardíaca

Estudo publicado no JAMA

17 outubro 2006
  |  Partilhar:

A Psoríase aumenta o risco de crise cardíaca, indica um novo estudo publicado no Journal of the American Medical Association (JAMA).O estudo liderado por Joel Gelfand, Dermatologista do Hospital of the University of Pennsylvania, EUA, refere, a título de exemplo, que um paciente com cerca de 40 anos que sofra de Psoríase Grave corre duas vezes mais riscos de sofrer um ataque cardíaco do que uma pessoa da mesma idade sem essa doença. De acordo com o estudo, a ligação poderá ser a inflamação - a resposta normal do corpo a ferimentos ou infecções - que desempenha um papel tanto na Psoríase como na Doença Cardíaca. A Psoríase ligeira aumenta em 20% o risco de ataque cardíaco em pacientes na casa dos 40. Mas quem tiver esta forma ligeira da doença "apenas nos cotovelos e joelhos" não deve preocupar-se, afirmam os cientistas. As pessoas com Psoríase têm mais tendência para fumar e ter Diabetes, Hipertensão e Colesterol elevado. Mas os investigadores concluíram que, mesmo considerando estes factores de risco, a Psoríase continua a aumentar o risco de Ataque Cardíaco. Os investigadores analisaram os casos médicos de mais de 680 mil britânicos, com idades entre os 20 e os 90 anos e portadores de Psoríase. O estudo foi financiado pelo National Institutes of Health (NIH) dos EUA e pela empresa Biogen Idec Inc, com sede no Massachusetts, que está a desenvolver um fármaco contra a doença. Fontes: Lusa e Imprensa Internacional MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.