Prótese do tempo dos Faraós

Egipto expõe múmia que teve o dedo do pé em madeira e couro

19 agosto 2002
  |  Partilhar:

O ministério da Cultura egípcio vai apresentar ao público um raro exemplo de trabalho ortopédico da época dos Faraós. Trata-se de uma prótese em couro e madeira que substituiu o dedo do pé em uma múmia com, pelo menos, três mil anos de idade.
 

 

A descoberta, que confirma o avanço da cirurgia reconstrutiva no século 15 a.C. , foi feita por arqueólogos egípcios e alemães em 1995, em Sheikh Abdel Garna, perto da cidade egípcia de Luxor, informou o secretário-geral do Conselho de Antiguidades, Zahi Hawass.
 

 

A prótese, encontrada no pé mumificado num túmulo datado do reinado da 18ª dinastia do rei Amenhotep 2º (1450-1425 a.C.), também servia para um propósito prático, pois permitia ao paciente manter o equilíbrio.
 

 

O resguardo em couro foi usado para manter no lugar o dedo de madeira, cuidadosamente esculpido em madeira. O dedo mumificado vai ser apresentado, em conjunto com outras peças, numa exposição especial que marca o centésimo aniversário do Museu Egípcio, no dia 9 de Dezembro.
 

 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.