Programa para reduzir infeções hospitalares em dez hospitais

Iniciativa da Fundação Calouste Gulbenkian

26 fevereiro 2015
  |  Partilhar:

No dia 31 de março, a Fundação Calouste Gulbenkian vai assinar com dez hospitais um programa de luta contra a infeção hospitalar, uma das propostas do relatório "Um futuro para a saúde", elaborado por um conjunto de peritos.
 

"Vamos passar do diagnóstico à prática", disse a administradora da Gulbenkian, Isabel Mota, em declarações à agência Lusa, à saída de uma audiência com Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, no Palácio de Belém.
 

Assim, no dia 31 de março, a Gulbenkian vai assinar com dez hospitais "que foram escolhidos através de concurso, toda uma metodologia e toda uma prática inspirada nos melhores sucessos europeus e, em alguns casos, também americanos, para debelar esse terrível flagelo".
 

A redução das infeções hospitalares foi uma das medidas referidas pelos peritos que elaboraram, a pedido da Fundação Calouste Gulbenkian, o relatório "Um futuro para a saúde", que foi apresentado em setembro.
 

Na altura da apresentação do relatório, Nigel Crisp, antigo responsável pelo serviço de saúde inglês e que presidiu ao grupo de especialistas que elaborou o dossiê, referiu que as infeções hospitalares representam uma despesa de 280 milhões de euros por ano, segundo dados oficiais.
 

De acordo com informações divulgadas ainda em setembro, a Fundação Calouste Gulbenkian propõe reduzir a incidência das infeções hospitalares, baixando as taxas atuais para metade, em três anos, em dez hospitais.
 

Na audiência com o Presidente da República, Isabel Mota endereçou ainda um convite ao chefe de Estado para que conceda o seu alto patrocínio ao programa das comemorações do cinquentenário da delegação da instituição em Paris.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.