Problemas pulmonares fetais: novo fármaco foi testado com sucesso

Estudo da Universidade do Minho

15 outubro 2012
  |  Partilhar:

Um fármaco capaz de resolver malformações relacionadas com o crescimento do pulmão fetal e associadas a elevadas taxas de mortalidade dos recém-nascidos foi testado com sucesso por uma investigadora da Universidade do Minho (UMinho), Cristina Nogueira-Silva.
 

Um comunicado da A UMinho ao qual a agência Lusa teve acesso, revelou que a substância, já avaliada em animais, poderá vir a ser administrada em mulheres grávidas cujos fetos apresentem situações semelhantes, com o objetivo de assegurar o crescimento e as funções pulmonares e aumentar a taxa de sobrevivência dos envolvidos. Sem efeitos secundários na mãe ou na criança.
 

A investigadora estudou novos reguladores do desenvolvimento pulmonar, nomeadamente o sistema renina-angiotensina, classicamente envolvido na regulação da tensão arterial.
 

A investigadora conseguiu provar que o fármaco PD-123319 pode ser utilizado para o tratamento da hipoplasia pulmonar fetal, ou seja, o subdesenvolvimento deste órgão.
 

“Isso pode resolver muitos problemas ligados a doenças pulmonares congénitas. Por exemplo, no caso da hérnia diafragmática congénita (HDC) – buraco no diafragma que permite que o conteúdo abdominal chegue à cavidade torácica –, os recém-nascidos apresentam dificuldade respiratória grave após o nascimento”, explica.
 

Cristina Nogueira-Silva adianta ainda que, apesar da imensa investigação clínica e variedade de novas soluções terapêuticas, como técnicas de ventilação assistida e unidades de cuidados intensivos neonatais, a taxa de mortalidade associada à HDC permanece em valores próximos dos 50%.

 

Este trabalho de investigação apresenta, assim, “uma nova esperança terapêutica” para os recém-nascidos e suas famílias.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.