Primeira imunoterapia contra o cancro da próstata entra no mercado

Fármaco aprovado pela FDA

05 maio 2010
  |  Partilhar:

A autoridade norte-americana do medicamento (FDA) aprovou o primeiro medicamento de imunoterapia para o cancro da próstata em estado avançado, o qual constitui uma alternativa a tratamentos mais agressivos como a quimioterapia.

 

Desenvolvido pela empresa de biotecnologia Dendreon, o Provenge é um fármaco de imunoterapia (usa o próprio sistema imunitário do doente) destinado a tratar cancros da próstata metastisados e resistentes às terapias convencionais.

 

“A grande notícia é que se trata do primeiro tratamento de imunoterapia a conseguir aprovação. Penso que dentro de 5 a 10 anos as imunoterapias serão uma grande parte do tratamento contra o cancro", refere, em comunicado enviado à imprensa, o chefe do serviço de investigação clínica do Instituto do Cancro Dana-Farberer, Philip Kantoff.

 

Ensaios clínicos realizados em 512 pacientes com cancro da próstata metastizado e resistência à quimioterapia provaram que aqueles que foram tratados com Provenge viveram mais 4,1 meses.

 

Embora ligeiros ou moderados, alguns dos efeitos secundários referidos pelos pacientes foram fadiga, febre, náuseas, dores de cabeça e das articulações.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 1 Comentar