Pressão psicológica e aumento de peso

Estudo publicado na "Nature Medicine"

05 agosto 2007
  |  Partilhar:

 

Uma equipa de cientistas revela ter descoberto um mecanismo biológico responsável pela Obesidade, o qual é activado pela tensão psicológica. O trabalho foi publicado na revista "Nature Medicine".
 

 

Esta descoberta foi feita pela análise de ratinhos fêmeas que revelaram um considerável aumento de peso, após terem sido submetidas a uma intensa pressão psicológica, enquanto ingeriam uma dieta altamente calórica.
 

 

Estudos anteriores demonstraram que, enquanto o stress pode levar a perca de peso, ao invés, pressões mais intensas, como a insegurança no trabalho, por exemplo, podem levar a um aumento do peso.
 

 

Mary F. Dallma, professora de Fisiologia da University of California, San Francisco, EUA, escreveu, num artigo que acompanha o estudo, que as pressões a que cada pessoa se vê submetida e a existência de alimentos de alto nível calórico podem ser a explicação para a Obesidade existente no país.
 

 

Por outro lado, investigadores do departamento de Fisiologia e Biofísica da Georgetown University, também nos EUA, anunciaram que, ao bloquear-se os sinais desse mecanismo activado pelo stress, pode prevenir-se a acumulação de gordura em certas partes do corpo ou acrescentá-la noutras. "Esta descoberta poderá ser revolucionária", afirmou Zogia Zukowska, bióloga da Georgetown University que dirigiu a investigação.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.