Prémio Nacional de Investigação em Oncologia 2005 para IPO do Porto

Investigação sobre cancro do ovário

24 outubro 2005
  |  Partilhar:

O Prémio Nacional de Investigação em Oncologia 2005 foi na semana passada atribuído a uma equipa do Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto que descobriu como optimizar o tratamento de cancro do ovário através do conhecimento do genoma humano. Rui Medeiros, líder da equipa premiada, disse à agência Lusa que foram estudados cem doentes com cancro do ovário, doença cuja taxa de mortalidade é "muito elevada", rondando os 30 por cento a 40 por cento. Os resultados do estudo revelam, segundo o cientista, que "o conhecimento do genoma permite prever a possível reacção à quimioterapia." O investigador adiantou que depois desta primeira fase, o estudo vai ser alargado “a um grupo maior, talvez de 500 ou mais doentes, para procurar confirmar os resultados obtidos”. Segundo o investigador, a mesma equipa do estudo, que tem como primeiras autoras Catarina Portela e Daniela Pinto, iniciou já trabalhos idênticos em doentes com cancros da próstata, pulmão, mama, cólon e útero. Os investigadores esperam obter resultados semelhantes neste tipos de cancro, permitindo também antecipar a reacção dos doentes à administração dos fármacos. Fonte: LusaMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar