Prémio internacional atribuído a estudante de mobilidade da FEUP

Projeto sobre sistemas de reconhecimento da íris

26 dezembro 2013
  |  Partilhar:

A competição internacional “Liveness Detection-Iris Competition 2013” atribuiu um prémio a Juliano Murari, estudante de mobilidade no Mestrado Integrado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), pelo seu projeto no âmbito da biometria da íris.

 

Este trabalho, intitulado “Deteção de vivacidade em sistemas de reconhecimento de íris”, foi desenvolvido durante o período de intercâmbio de Juliano Murari na FEUP e foi financiado pelo programa Ciência sem Fronteiras.

 

O projeto foi realizado sob a orientação do professor Jaime Cardoso (FEUP) e coorientação da doutoranda Ana Filipa Sequeira e de Alexandre Delbem, professor do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da Universidade de São Paulo (USP).

 

O contributo deste trabalho reside no desenvolvimento de uma metodologia para a deteção de vivacidade nos sistemas de reconhecimento da íris.

 

Sendo a íris um importante traço biométrico, o estudante realça a segurança destes métodos, apesar de reconhecer que ainda há um longo caminho a percorrer.

 

Segundo Murari, é necessário, por isso, aprofundar a investigação nesta área para que este tipo de sistema seja amplamente utilizado.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.