Prémio António Champalimaud de Visão 2014

Atribuído a sete cientistas estrangeiros

12 setembro 2014
  |  Partilhar:
O Prémio António Champalimaud de Visão 2014 foi atribuído a sete cientistas estrangeiros pelo desenvolvimento de uma terapia contra doenças da retina, controlando o crescimento desmesurado de vasos sanguíneos no olho, que leva à cegueira.
 
A notícia avançada pela agência Lusa, revela que a terapia em causa, chamada anti-angiogénica (anti-crescimento de novos vasos sanguíneos a partir dos existentes), inclui o uso de dois medicamentos - Avastin e Lucentis - que permitem, de acordo com os cientistas, prevenir a cegueira ou recuperar parte da visão em doentes com retinopatia diabética ou degenerescência macular relacionada com a idade, em estado inicial.
 
Napoleone Ferrara, que há 25 anos identificou, isolou e clonou a proteína responsável pelo crescimento anormal de vasos sanguíneos, associada ao crescimento de tumores e a doenças da retina que levam à cegueira, disse à agência Lusa que o prémio, o maior na área da oftalmologia, representa "a validação e o reconhecimento" do trabalho feito em colaboração com outros investigadores.
 
De acordo com o cientista italiano da Universidade da Califórnia, em San Diego, nos Estados Unidos, a terapia utilizada após esta descoberta, e dos medicamentos com o inibidor da proteína sinalizadora, já permitiu tratar "milhões de pessoas" um pouco por todo o mundo. 
 
O investigador acrescentou que os fármacos "podem prevenir, na maioria dos casos, a perda de visão" em estádios da doença mais precoces, ou recuperar 30 a 40% da acuidade visual.
 
Doenças da retina como a retinopatia diabética (derivada da diabetes) e a degenerescência macular relacionada com a idade são consideradas duas das principais causas da cegueira no mundo.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.