Potencialidades terapêuticas da hipnose

Declarações de um especialista

12 outubro 2015
  |  Partilhar:
A hipnose é uma técnica de grande abrangência clínica, defende o presidente da Associação Portuguesa de Hipnose Clínica e Hipnoanálise (APHCH), apontando o exemplo da sua utilização nos partos naturais, substituindo a epidural.
 
Alberto Lopes referiu à agência Lusa que “está a ser instituído no Centro Hospitalar Cova da Beira, Fundão, um protocolo para permitir o uso da hipnose nos partos”.
 
“A abordagem psicoprofilática para um parto sem dor com recurso à hipnose tem apresentado resultados interessantíssimos”, disse o especialista. 
 
O presidente da APHCH acrescentou que “o protocolo está a ser instituído para que uma grávida possa de facto fazer um parto natural, feliz, sem recursos a epidural, analgésicos ou anestesia química”.
 
Alberto Lopes faz referência a um estudo que procurou quantificar e comparar o efeito analgésico da hipnose e do Remifentanil, em resposta a estímulos dolorosos, utilizando uma escala numérica da dor (END) e potenciais evocados (PE).
 
“Doze voluntários, criteriosamente selecionados, foram submetidos a estimulação elétrica dolorosa no nervo mediano com intensidade variável, quantificando a dor através de END e PE. Repetiu-se o procedimento submetendo os voluntários a doses variáveis de Remifentanil e a duas técnicas de analgesia hipnótica”, disse.
 
Os investigadores observaram que havia uma correlação significativa entre doses crescentes de Remifentanil e atenuação da dor. A hipnose permitiu reduzir significativamente a dor e teve mais efeito analgésico para a dor menos intensa. Não houve diferença entre as duas técnicas de hipnose.
 
“Pode afirmar-se que a potência analgésica da hipnose tem relevância clínica, uma vez que foi equipotente a doses de Remifentanil que proporcionam analgesia clínica relevante. Pela primeira vez foi possível quantificar o efeito analgésico da hipnose por comparação com um analgésico padrão”, sublinhou Alberto Lopes.
 
De acordo com o responsável, a hipnose tem resultados “muito interessantes” no combate à depressão, ansiedade, adições, como por exemplo o tabaco, e até compulsões alimentares, como a bulimia e a anorexia.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.