Portugal e Espanha com a pior qualidade das praias interiores

Irlanda e Dinamarca no top dos melhores da UE

23 dezembro 2003
  |  Partilhar:

A água das praias interiores de Portugal e Espanha é a pior da União Europeia no que respeita ao cumprimento dos parâmetros europeus de qualidade, revela um relatório da Comissão Europeia esta terça-feira divulgado em Bruxelas.O documento sobre a avaliação dos recursos hídricos da Europa, baseado em 57 indicadores, da autoria da Agência Europeia do Ambiente, avaliou a qualidade e quantidade da água do mar, rios, lagos, estuários e lagoas em vários países europeus e, apesar de detectar melhorias, aponta o dedo a vários problemas.No que respeita ao cumprimento das regras europeias da qualidade da água para banhos o estudo demonstra que, em 2001, Portugal e Espanha foram os países que mais longe ficaram do cumprimento dos valores indicativos e obrigatórios de qualidade da água nas praias interiores. Do outro lado do «ranking», Irlanda e Dinamarca foram os mais cumpridores.No que respeita aos parâmetros de qualidade das águas costeiras, Portugal está em sexto lugar na lista dos mais bem comportados, com níveis de cumprimento que chegam aos 96 por cento.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.