Poluição sonora mata 50 mil pessoas por ano na UE

Estudo apresentado em Bruxelas

29 fevereiro 2008
  |  Partilhar:

Pelo menos 50 mil pessoas morrem anualmente na União Europeia (UE) devido a Enfarte do Miocárdio causados pelo excesso de ruído rodoviário e ferroviário, alerta um estudo apresentado em Bruxelas.
 

 

O documento, produzido pela European Federation for Transport and Environment (T&E) e a que a agência Lusa teve acesso, indica também que outros 200 mil habitantes da UE passam a sofrer todos os anos de doenças do coração.
 

 

As estimativas da organização indicam que os custos financeiros da poluição sonora, nomeadamente para os serviços de saúde, atingirão pelo menos 40 biliões de euros por ano na UE.
 

 

O estudo da T&E , intitulado “Tempo de Escutar”, calcula que em 25 países da UE - excluindo Malta e Chipre - a maioria da população (54%) está regularmente exposta a índices de ruído acima de 55 decibéis ou mais, proveniente do tráfego rodoviário e ferroviário, num total de 245 milhões de pessoas afectadas, entre as mais de 450 milhões que compõem a população da União.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.