Pneumonia mata 35 crianças no Paquistão

Inverno rigoroso pode vir a provocar tantos mortos como o sismo

05 janeiro 2006
  |  Partilhar:

Pelo menos 35 crianças morreram de pneumonia em três aldeias nas montanhas da Caxemira paquistanesa, noticiaram as agências internacionais. Na região que no passado dia 8 de Outubro foi atingida por um sismo, que matou mais de 73 mil pessoas, as temperaturas chegaram a atingir, nalguns locais, os 30 graus negativos, tornando ainda mais difícil a vida dos dois milhões de desalojados que vivem em tendas e abrigos improvisados. O director regional de saúde, Hasan Khan Abacha, explicou que as crianças morreram na última semana numa zona remota, nas aldeias de Matayal, Karbosh e Bunyal, junto à linha militar de controlo que separa a Caxemira paquistanesa da indiana. Hasan Khan Abacha disse ainda que muitas crianças têm roupa inadequada, algumas não têm, tão-pouco, sapatos. E muitas das tendas que servem de abrigo aos sobreviventes são apropriadas para o Verão e não para o Inverno. As organizações de ajuda humanitária têm vindo a avisar que o rigoroso Inverno pode vir a provocar tantos mortos como o sismo. Fonte: Lusa MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.