Pneumonia é responsável por mais de 16 mortes diárias

Dados de um relatório internacional

11 maio 2016
  |  Partilhar:

Em Portugal, a pneumonia é responsável por mais de 16 mortes por dia. No entanto, mais de 60% das pessoas desconhecem o real risco de mortalidade da doença e não tomam medidas preventivas, de acordo com um relatório internacional.
 

Segundo a notícia avançada pela agência Lusa, o relatório sobre conhecimento e perceção da pneumonia teve por base um inquérito realizado entre 23 de novembro de 2015 e 15 de fevereiro de 2016, junto de mais de nove mil pessoas a partir dos 50 anos, provenientes de nove países da Europa, um dos quais Portugal.
 

O estudo concluiu que o conhecimento e a compreensão sobre pneumonia em Portugal é “forte”, já que 96% afirmam saber o que é a doença, 81% identificam-na como uma infeção pulmonar e 60% acham que algumas formas de pneumonia podem ser contagiosas.
 

No entanto, existe uma “falha” na associação da gravidade da doença com o risco de a contrair e com as suas consequências para a saúde.
 

De acordo com o inquérito, ao qual a agência Lusa teve acesso, em Portugal, 95% das pessoas acham que a pneumonia é grave, mas apenas 23% estão preocupadas com o risco de contrair a doença e só 27% das pessoas com “risco mais elevado” reconhecem ter um risco muito elevado, praticamente a mesma proporção de pessoas com baixo risco.
 

Relativamente à mortalidade causada por pneumonia, a perceção também é desfasada da realidade, já que apenas 36% acreditam que “até 20% dos adultos que contraem a doença irão morrer disso”. O inquérito revelou mesmo que mais de uma em cada sete pessoas considera a pneumonia uma “constipação de tipo grave” ou “semelhante à gripe”.
 

Comparativamente com outras doenças, 61% dos portugueses consideraram que a doença cardíaca mata mais e 21% acharam que os acidentes rodoviários são causadores do número mais elevado de mortes em Portugal.
 

Segundo o estudo, a pneumonia é responsável por sete vezes mais mortes do que os acidentes rodoviários e 135 mais mortes do que a gripe.
 

Os dados de mortalidade mais recentes, apresentados no estudo, revelam que a pneumonia foi responsável por 5.935 mortes em Portugal, em 2013, comparativamente com 733, em acidentes rodoviários e 44 devido à gripe.

 

Relativamente à vacina preventiva contra a pneumonia, 40% dos inquiridos têm conhecimento da sua existência, mas apenas 14% das pessoas com risco elevado de contrair a doença foram vacinadas, comparativamente com 6% do grupo de risco mais baixo.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.