Plataforma informática promete ajudar no tratamento de fobias

Estudo do Laboratório de Expressão Facial da Emoção

31 dezembro 2009
  |  Partilhar:

Com o objectivo de ajudar no tratamento clínico da fobia, o Laboratório de Expressão Facial da Emoção, no Porto, em parceria com o Baylor College of Medicine, dos EUA, está a desenvolver uma plataforma informática denominada “i-Phobos”.

 

“As plataformas informáticas serão desenvolvidas com o propósito de ajudar na abordagem cognitivo-comportamental (contexto clínico), a qual se caracteriza pela exposição controlada e progressiva ao estímulo fóbico”, refere a nota enviada à imprensa pelo Laboratório de Expressão Facial da Emoção da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa.

 

Dado que a vivência antecipatória e a ansiedade representam as queixas mais frequentes de quem sofre de fobia, estes serão os componentes a ter em conta no processo de criação dos cenários reais, refere a mesma nota.

 

Numa primeira fase, serão abordadas as fobias simples (animais, ambiente natural, procedimentos médicos, alturas, viajar de avião, andar de elevador e medo de contrair doenças). Numa segunda fase, estarão em estudo a fobia social e a agorafobia.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.