Pioneiro da clonagem animal dedica-se à diabetes

Criador da ovelha Dolly vai utilizar células embrionárias

01 fevereiro 2003
  |  Partilhar:

O cientista britânico Alan Colman, um dos criadores da ovelha clonada Dolly, vai utilizar células embrionárias para desenvolver um tratamento contra a diabetes, anunciou a empresa onde trabalha, em Singapura.
 

 

A decisão acontece depois dos laboratórios da empresa ESI terem obtido a licença de uma tecnologia liderada pela Universidade de Stanford (EUA) que permite transformar as células embrionárias numa fonte renovável de células produtoras de insulina, precisamente as danificadas ou destruídas nos diabéticos.
 

 

"Agora já possuímos a tecnologia e os conhecimentos para acelerar decisivamente a nossa capacidade de desenvolver uma terapia para a diabetes baseada em células embrionárias", afirmou o director geral da companhia, Robert Klupacs.
 

 

A ESI, com sede em Singapura, é o primeiro laboratório a obter uma licença da Universidade de Stanford para utilizar a referida técnica.
 

Colman ocupa o cargo de director de investigação na mencionada empresa.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.