Piercings: Quando a aplicação corre mal...

Pessoas sofrem em silêncio e não procuram ajuda médica

06 julho 2005
  |  Partilhar:

 

 

Muitas pessoas passam por problemas de saúde depois de
 

fazerem piercings em locais íntimas, mas sofrem em silêncio, não procuram ajuda médica, de acordo com um estudo da Universidade Carlow, em Pittsburgh, nos Estados Unidos.
 

 

Neste estudo, os investigadores acompanharam 146 homens e mulheres com piercings genitais e nos mamilos. E descobriram que a maioria teve problemas de saúde, tais como infecções e mudança no fluxo urinário, mas apenas três por cento procuraram um profissional de saúde.
 

 

Entre os participantes do estudo, 43 por cento tinham piercings nos mamilos, 25 por cento na região genital e 32 por cento em ambos.
 

 

A equipa de cientistas descobriu que 66 por cento dos que tinham piercing nos mamilos, e 52 por cento dos que tinham piercing genitais, apresentaram problemas de saúde.
 

 

Os problemas mais comuns resultantes de piercings nos mamilos foram sensibilidade (37%), irritação na pele (21%) e infecções (21%). Para os homens com piercing genital, os problemas que mais ocorreram foram: Mudança no fluxo urinário (39%) e sensibilidade (31%).
 

 

Mais da metade das pessoas (54%) discutiu os problemas com os profissionais que lhes fizeram os piercings, mas apenas uma pequena fracção procurou ajuda médica.
 

 

Apesar dos problemas, a maioria das pessoas gostava dos seus piercings – entre 73% a 90%, dependendo do tipo de adorno – e 87 por cento disseram que os seus parceiros se mostraram receptivos.
 

 

Os especialistas alertam para que – caso queira fazer um piercing – procure sempre pessoas especializadas. Avisam também para os sérios riscos que pode correr caso tenha infecções. «Precisamos encorajar as pessoas com piercings a procurar ajudar médica», disse Carol Caliendo, da Universidade Carlow, acrescentando estar particularmente preocupado com as mudanças no fluxo urinário relatadas pelos homens.
 

 

O estudo foi publicado no Journal of Advanced Nursing.
 

 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

Jornalista
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.