Perder dentes pode afectar a memória

Antes de arrancar, há que ter em conta certos aspectos de saúde

04 novembro 2004
  |  Partilhar:

Um estudo sueco apresentado em Estocolmo sugere que um paciente pode perder memória quando o dentista lhe extrai um dente. «Os dentes têm uma enorme importância para a memória», garante Jan Bergdahl, um dos autores do estudo, que é ao mesmo tempo dentista e professor assistente de psicologia na Universidade de Umeaa, no norte da Suécia.Neste estudo, que se insere noutro mais vasto sobre a memória, os investigadores seguiram 1.962 pessoas com idades entre os 35 e os 90 anos a partir de 1988, comparando a memória dos que conservaram os dentes com a dos que mandaram pôr dentaduras postiças. «Quando as pessoas ficam sem dentes, a sua memória é claramente pior do que quando os tinham», garantiu Bergdahl.Recentes estudos japoneses feitos com ratinhos e macacos já tinham mostrado a ligação entre dentes e memória, mas o estudo sueco é o primeiro em larga escala feito com pessoas. Falta agora determinar que impacto a extracção de um só dente terá na memória. «Vamos estudar até quantos dentes pode uma pessoa perder antes que surjam efeitos na memória», afirmou. «Vamos também investigar o impacto das cáries dentárias e dos implantes».«Testes feitos em animais mostraram que a extracção dos dentes secciona nervos ligados ao cérebro», explicou Bergdahl, sublinhando que o novo estudo poderá conduzir a alterações importantes nos tratamentos dentários dos idosos. «Poderemos ter de pensar duas vezes antes de retirar dentes que tenham um problema», concluiu.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.