Perda de peso diminui níveis de proteínas associadas ao crescimento tumoral

Estudo publicado na revista “Cancer Research”

18 julho 2016
  |  Partilhar:

As mulheres com excesso de peso ou obesas que emagrecem através da dieta ou prática de exercício diminuem os níveis de determinadas proteínas que ajudam os tumores a crescer, sugere um estudo publicado na revista “Cancer Research”
 

A angiogénese é uma função vital na qual há formação de novos vasos sanguíneos durante, nomeadamente a cicatrização de feridas. Infelizmente, uma parte importante do crescimento e desenvolvimento tumoral também depende da existência de vasos sanguíneos para o transporte de nutrientes e oxigénio que permitem o tumor continuar a crescer.
 

Alguns investigadores sugeriram que a “angioprevenção”, ou seja, o bloqueio do crescimento tumoral através da prevenção da angiogénese, pode ser uma estratégia importante para a prevenção do cancro nos indivíduos saudáveis. Contudo, os fármacos que bloqueiam este processo têm potenciais efeitos secundários, o que dificulta a sua utilização na prevenção do cancro.
 

Para o estudo, os investigadores do Centro de Investigação do Cancro Fred Hutchinson, nos EUA, contaram com a participação de 439 mulheres com excesso de peso/obesas, saudáveis e sedentárias que tinham entre 50 a 75 anos de idade. As participantes foram aleatoriamente distribuídas por quatro grupos distintos para avaliação do efeito do exercício e da dieta nos níveis de proteínas em circulação associadas à angiogénese.
 

Um dos grupos foi submetido a uma dieta de restrição calórica, na qual as mulheres não podiam ingerir mais do que duas mil calorias por dia e que incluía menos de 30% de calorias provenientes da gordura. No grupo do exercício aeróbico, as participantes praticaram 45 minutos de exercício de intensidade moderada a vigorosa cinco dias por semana. O terceiro grupo era constituído por participantes submetidas à dieta e simultaneamente ao exercício físico. O quarto grupo funcionou como grupo de controlo. Foram recolhidas amostras de sangue no início do estudo e após 12 meses.
 

Após terem ajustado os dados referentes ao índice de massa corporal e raça/etnia, os investigadores constaram que após 12 meses de intervenção, as mulheres incluídas no grupo da dieta, da prática de exercício físico e simultaneamente submetidas à dieta e exercício perderam, em média, 8,5, 2,4, e 10,8% do peso corporal, respetivamente. Estas perdas foram significativamente mais elevadas do que a média da perda de peso das mulheres incluídas no grupo de controlo, que apenas conseguiram uma diminuição de cerca de 0,8% do peso.
 

Após 12 meses e comparativamente com as mulheres do grupo de controlo, as do grupo da dieta e as incluídas no grupo que praticou exercício e simultaneamente dieta apresentaram níveis mais baixos de proteínas associadas à angiogénese. Esta redução não foi observada no grupo que apenas praticou exercício físico. Foi também observada uma tendência linear na reduções, ou seja, quanto mais peso perdiam maior era a redução nos níveis deste tipo de proteínas, que incluíram a VEGF, a PAI-1 e a PEDF.
 

De acordo com Catherine Duggan, uma das autoras do estudo, estes achados mostram que a perda de peso é um método seguro e eficaz na melhoria do perfil angiogénico nos indivíduos saudáveis. “Ficámos surpreendidos pela magnitude da alteração destes biomarcadores com a perda de peso”, referiu a investigadora.
 

Catherine Duggan acrescenta que, apesar de ainda não se saber ao certo se a redução dos níveis dos fatores angiogénicos, através da dieta, tem impacto no crescimento dos tumores, é possível que estes possam estar associados a um ambiente menos favorável ao crescimento e proliferação do tumor.
 

“O nosso estudo demonstrou que fazer pequenas alterações no estilo de vida, nestes caso, alterações simples à dieta para reduzir o peso, pode diminuir os fatores de risco para o cancro”, concluiu a investigadora.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.