Pais impedem abertura de escola do Porto, devido a caso de meningite
08 maio 2002
  |  Partilhar:

Dezenas de pais estão hoje concentrados à entrada da Escola Secundária Rodrigues de Freitas, no Porto, a impedir a abertura do estabelecimento, devido ao caso de uma aluna que morreu ontem com meningite fulminante.
 

 

No estabelecimento frequentado pela jovem de 17 anos estudam cerca de 800 alunos.
 

 

A Associação de Pais da Escola Secundária exige que seja feita uma limpeza "mais profunda" às instalações e pede o encerramento do estabelecimento durante dois dias, apesar da autorização da Delegação de Saúde para que a escola continue a funcionar normalmente.
 

 

De acordo com a presidente do Conselho Executivo da instituição, Maria Adelaide Pizarro, elementos da Delegação de Saúde daquela área estiveram ontem à tarde na escola e aconselharam apenas uma limpeza e o arejamento das salas.
 

 

Os pais não concordam com a decisão da Delegação de Saúde e hoje de manhã estão a impedir a entrada de professores e alunos no estabelecimento.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.