Óxido nítrico ajuda a prevenir Displasia Bronco-Pulmonar em bebés

Trabalho apresentado na New England Journal of Medicine

26 setembro 2006
  |  Partilhar:

A inalação em pequenas quantidades de óxido nítrico pode prevenir a Displasia Bronco-Pulmonar, uma doença que pode ser fatal em bebés nascidos abaixo do peso, segundo dois estudos publicados na revista New England Journal of Medicine.Num dos estudos, realizado por investigadores da University of Colorado School of Medicine, EUA, foi constatado que a administração do gás pareceu ajudar quase exclusivamente bebés que tinham nascido muito abaixo do peso. O gás reduziu a metade o risco de problemas pulmonares, assim como o de potenciais lesões cerebrais. No outro estudo, efectuado por médicos do Children''''s Hospital of Philadelphia, 582 bebés com, pelo menos, sete dias inalaram rapidamente óxido nítrico ou um gás inócuo (placebo). Os investigadores concluíram que após 36 semanas, 44% dos bebés que tinham recebido óxido nítrico estavam totalmente livres de Displasia Bronco-Pulmonar, em oposição a 37% dos que tinham recebido placebo. Segundo Roberta Ballard, directora das equipas de estudo, as crianças que receberam óxido nítrico passaram menos dias hospitalizadas, em comparação com aquelas que inalaram placebo. Também não foram necessárias aplicações adicionais de oxigénio e os problemas de saúde foram muito menos graves.Os cientistas advertiram, no entanto, que os estudos não são conclusivos e recomendaram que sejam realizados novos testes para assegurar o desenvolvimento normal dos bebés. Tal como a Asma e a Fibrose Quística, a Displasia Bronco-Pulmonar é uma das doenças crónicas mais comuns em crianças. A FDA já aprovou a aplicação das inalações de óxido nítrico por pequenos períodos de tempo em bebés que tenham problemas respiratórios. MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.