Os cuidados com a alimentação de atletas olímpicos

A combinação certa de alimentos e líquidos pode ser fundamental para o sucesso

07 agosto 2012
  |  Partilhar:

De acordo com a Academy of Nutrition and Dietetics, nos EUA, um atleta olímpico necessita de consumir em média entre oito a dez mil calorias por dias, o que compara com as duas mil a 2.800 calorias diárias que uma pessoa comum, moderadamente ativa, deve ingerir.
 

A ciência da alimentação de atletas de elite vai muito além das necessidades calóricas e inclui também percentagens de hidratos de carbono e proteínas, quantidade de líquidos e horário das refeições.
 

O leque de necessidades é amplo e varia não só de acordo com “o tipo de evento, mas também com a velocidade, resistência e força que um atleta necessita”, refere Christine Gerbstadt, nutricionista e anestesiologista de Gaithesburg, nos EUA.
 

“Era costume ver uma equipa da NFL [liga de futebol americano] sentar-se para jantar um grande bife antes de um jogo. Agora já não é assim”, esclarece Gerbstadt.
 

A abordagem utilizada atualmente para alimentar os atletas passa não só por combinar os alimentos que devem ser ingeridos antes das provas, mas garantir que são ingeridos os nutrientes certos para ajudar a reparar os músculos para a próxima competição.
 

O planeamento nutricional é composto por três fases. Uma ou duas horas antes da competição, os atletas olímpicos devem ingerir uma refeição leve e facilmente digerível, como, por exemplo, papas de aveia ou uma banana com leite ou iogurte. Além disso, devem ainda ingerir cerca de meio litro de água.
 

“Os atletas podem perder dois a três por cento do peso corporal devido a desidratação, o que pode ter um impacto negativo no seu desempenho anaeróbico”, revela Amie Jamieson-Petonic, nutricionista e coordenadora de treino de bem-estar da Cleveland Clinic. No entanto, adverte que “não devem abusar dos líquidos. É preferível estar menos hidratado do que ingerir demasiados líquidos”.
 

Depois do evento, o objetivo é ajudar o organismo dos atletas a recuperar rapidamente. Um atleta olímpica queima, em média, cerca de 800 calorias por hora, mas isso pode ser reposto gradualmente ao longo de quatro a oito horas, esclarece Gerbstadt. Esta nutricionista aconselha a ingestão de 20 a 30 gramas de proteínas e hidratos de carbono, como, por exemplo, um batido de fruta ou uma sande de peru, imediatamente após a prova. “Sem a ingestão imediata de alimentos, o tempo de recuperação das fibras musculares desgastadas será prolongado”.
 

Para muitos dos atletas olímpicos, um dos aspetos mais complicados da alimentação acaba por ser arranjar tempo para consumir todas as calorias que necessitam. “Treinam tanto que têm de literalmente planear as diferentes horas para comer e beber ao longo do dia”, refere Jamieson-Petonic.
 

A orientação prestada pelos nutricionistas aos atletas olímpicos é altamente personalizada, uma vez que varia não só de acordo com o tipo de desporto, mas também com as preferências individuais.
 

Apesar de a maioria das pessoas nunca ter de enfrentar as exigências físicas de atletas olímpicos, aqui vão algumas dicas importantes para todos aqueles que fazem exercício físico:

•    Para saber se está a ingerir a quantidade suficiente de líquidos quando realiza exercício físico, pese-se mal saia da cama e depois do exercício. A diferença de peso representará a quantidade de líquidos que perdeu. Por cada meio quilo que perca, ingira 70 cl de água, aconselha Jamieson-Petonic.


•    Como saber se está a ficar desidratado? “Sentir-se-á fraco, o seu corpo não será capaz de fazer aquilo que normalmente faz. Conseguirá andar, mas não correr”, avisa a nutricionista.


•    Não saia da cama diretamente para a estrada para correr sem antes tomar o pequeno-almoço. Ingira hidratos de carbono, proteínas magras e líquidos antes de sair, aconselha Gerbsatdt.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 5Média: 4.2
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.