Opiáceos injectáveis poderão passar a ser vendidos nas farmácias

Ministro apela à comercialização

10 outubro 2006
  |  Partilhar:

 

O ministro da Saúde apelou aos laboratórios que comercializem opiáceos nas farmácias, para passarem a vender a forma injectável, tal como sucede nos hospitais, adiantando que, se assim for, pode ser aumentada a comparticipação do Estado.
 

 

A coordenadora da rede de cuidados continuados e paliativos adiantou que propôs já ao Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento (INFARMED) que os opiáceos sejam comercializados de forma idêntica nos hospitais e nas farmácias, com uma comparticipação idêntica, de "custo zero para os doentes". A proposta está a ser analisada pelo INFARMED, cabendo agora à indústria farmacêutica aceitar o "desafio" de os comercializar sob a forma injectável nas farmácias, salientou Inês Guerreiro.
 

 

Nas farmácias, os opiáceos beneficiam de uma comparticipação a 40%, embora sejam gratuitos se fornecidos aos doentes através do hospital.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI-Médicos Na Internet
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.