Ondas de calor em 2008 provocaram cinco casos de doença

Resultados publicados no relatório de avaliação do Plano de Contingência para as Ondas de Calor

26 janeiro 2009
  |  Partilhar:

Cinco casos de doença foram associados às ondas de calor registadas em 2008, releva um relatório da Direcção Geral de Saúde (DGS), citado pela agência Lusa.
 

 

De acordo com o relatório, verificaram-se três casos na região do Alentejo, dois dos quais decorrentes de desidratação e um por golpe de calor, em duas pessoas com mais de 75 anos e um doente crónico. Relativamente às ocorrências no Norte, o relatório apenas indica que foram reportados “dois casos com sintomas devidos ao calor.”
 

 

Segundo o relatório, Portugal registou em 2008 três períodos de maior calor, os quais coincidiram com um elevado número de chamadas para o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM). Contudo, os serviços de urgência não registaram um aumento de procura.
 

 

O relatório referiu ainda que o serviço Saúde 24 respondeu de forma satisfatória às questões relacionadas com o calor.
 

 

De acordo com os autores do documento, a implementação do Plano de Contingência para as Ondas de calor 2008 correspondeu às expectativas,. tendo-se tomado medidas eficazes e atempadas.
 

 

Desde o Verão de 2004 que a DGS activa o Plano de Contingência para as Ondas de calor.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.