OMS recomenda a Portugal vigilância da pneumonia atípica

Governo vai avançar com rede de saúde pública

23 setembro 2003
  |  Partilhar:

Um responsável da Organização Mundial de Saúde (OMS) recomendou esta segunda-feira que países como Portugal criem uma rede pública de vigilância e notificação de casos de pneumonia atípica, face à possibilidade de novo surto no Inverno.
 

 

O conselheiro regional para as Doenças Transmissíveis da OMS, Bernardus Ganter, falava no fórum nacional sobre Síndrome Respiratória Aguda (SRA), a decorrer em Coimbra, numa organização conjunta da Direcção-Geral da Saúde e do Centro Regional de Saúde Pública do Centro.
 

 

A cadeia de transmissão da doença - que provocou em todo o mundo 916 mortos e afectou mais de 8.400 pessoas de 32 países - foi dada como quebrada pela OMS em Julho, quatro meses após o alerta global, mas foi confirmado um novo caso, em Singapura.
 

 

O secretário de Estado Adjunto do Ministro da Saúde, Adão da Silva, disse que o Governo «irá dar luz verde» a uma proposta técnica para a criação de uma rede de saúde pública de vigilância e notificação de casos de SRA, apresentada pela Direcção-Geral de Saúde, mas desconhece quando esta estará a funcionar.
 

 

Por seu lado, o epidemiologista Massano Cardoso, que moderou uma mesa em torno da revisão dos aspectos mais relevantes da epidemiologia da SRA, afirmou que «nada é mais falso» do que pensar que as doenças infecciosas como esta estariam controladas.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.