OMS propõe redução drástica no consumo diário de açúcar

O consumo diário recomendado poderá situar-se nos 5%

31 março 2014
  |  Partilhar:

A Organização Mundial de Saúde publicou um novo projeto de diretrizes no sentido de reduzir o consumo diário de açúcar para um total de 5% das calorias ingeridas diariamente.
 

Estas novas diretrizes vêm na sequência do aumento a que se tem vindo a assistir, nos últimos anos, no consumo dos chamados “açúcares livres”. A Organização Mundial de Saúde (OMS) refere-se aos açúcares que são adicionados aos alimentos pelos fabricantes, como a frutose, glicose ou sacarose, e aos açúcares que se encontram naturalmente presentes nos alimentos como o mel, sumos e concentrados de fruta e xaropes.
 

As diretrizes atuais da OMS relativamente ao consumo diário de açúcar foram estabelecidas em 2002 e estabelecem que o consumo do mesmo deverá perfazer 10% do total de calorias ingeridas diariamente.
 

Segundo a OMS, existe uma preocupação crescente que o consumo de açúcares conduza à escolha, por parte do consumidor, de alimentos menos adequados em termos nutricionais e que se verifique assim um aumento no consumo total de calorias diário.
 

Nos EUA, por exemplo, o consumo de bebidas açucaradas é bastante elevado. A OMS explica que o consumo deste tipo de bebidas, poderá conduzir à adoção de uma dieta pouco saudável, ao aumento de peso e a doenças como a diabetes e doenças cardiovasculares. Um estudo demonstrou que o consumo de açúcares adicionados poderá contribuir para aumentar o risco de doença cardiovascular e o consumo elevado de açúcar está associado à diabetes tipo 2.
 

A OMS aponta ainda para a prevalência das doenças dentárias causadas pelo consumo de açúcares livres. Segundo dados da organização, entre 60 a 90% das crianças e quase 100% dos adultos em todo o mundo apresentam cáries dentárias.
 

O novo projeto de diretrizes recomenda os 10% de consumo de açúcar do total de calorias consumidas diariamente, mas aponta que a respetiva redução para 5% poderá oferecer benefícios adicionais.
 

O novo projeto de diretrizes estará aberto a comentários online até 31 de março. Durante este período o projeto será igualmente revisto e posteriormente finalizado.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.