OMS lança novo índice de protecção solar

Cumprir normas básicas evita 70 por cento dos cancros

23 julho 2002
  |  Partilhar:

Um novo índice de protecção solar lançado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) pretende standardizar a nível internacional a medição dos riscos de exposição aos raios ultravioleta.
 

 

O índice ultravioleta adoptado pela OMS, que vai do número 1 ao 11, pretende unificar o modelo de medição, uma vez que até agora cada país utilizava escalas diferentes que «por diversas ocasiões originavam uma certa confusão», indicou o coordenador do departamento de Radiação e Meio Ambiente desta organização, Mike Repacholi.
 

 

Segundo a OMS, anualmente são registados entre dois a três milhões de casos de cancro cutâneo, tais como melanomas, devido a uma excessiva exposição aos raios solares e cerca de dois milhões de casos de cegueira, originados pelo aparecimento de cataratas.
 

 

O novo modelo, que entra agora em vigor, estipula que uma radiação de 1 a 2 é baixa, entre 3 a 5 é moderada, 6 a 7 é elevada, entre 8 e 10 é muito elevada e 11 é extrema.
 

 

De acordo com a OMS, e segundo o novo índice, uma radiação igual ou superior a 3, registada geralmente nas quatro horas de maior intensidade solar, exige que a pessoa se vista, ponha-se debaixo de um chapéu, unte-se com creme protector ou permaneça à sombra», explicou Repacholi.
 

 

Segundo um guia que vai ser publicado pela OMS para explicar como funciona o novo índice, cumprir com determinadas normas básicas de senso comum permitiriam evitar 70% dos casos de cancro da pele em todo o mundo, e reduzir o número de pessoas com problemas oculares devido a uma excessiva exposição à radiação ultravioleta.
 

 

Por sua vez, a OMS desaconselha totalmente «o bronzeado artificial que se pode obter nos solários, por ser prejudicial para a saúde, especialmente para as crianças», acrescentou Repacholi.
 

 

Fonte: Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.