O tamanho relativo dos dedos da mão pode fornecer dados sobre a causa do autismo

Pode ainda indicar preferências sexuais, grau de fertilidade, etc.

14 março 2001
  |  Partilhar:

Cientistas britânicos descobriram que crianças com autismo tendem a ter dedos anelares desproporcionadamente mais longos do que os dedos indicadores. Esta característica física está associada com os níveis de testosterona a que foram expostos no útero durante a gestação.
 

 

A mesma equipa, em estudos anteriores, descobriu que a proporção em tamanho entre os nossos dedos anelar e indicador podia dar–nos informações relativas às nossas preferências sexuais, grau de fertilidade e até revelar os riscos que temos de vir a sofrer de doenças do coração ou de desenvolvermos cancro da mama. Até características como a nossa habilidade musical podem ser previstas por análise das mãos, segundo os estudos levados a cabo.
 

 

Esta afirmação, por muito absurda que pareça, tem um certo fundamento. Os dedos são formados muito cedo no desenvolvimento do feto, por volta da 14a semana de gestação, uma altura muito crítica. O “banho hormonal” a que o feto está sujeito nessa altura influencia não só o desenvolvimento das mãos mas também o desenvolvimento do cérebro, das gónadas e do coração. Como o tamanho relativo dos nossos dedos é fixo durante toda a nossa vida, os cientistas acreditam que são marcadores fiáveis do que nos influenciou nos primeiros estágios da nossa vida.
 

 

As mulheres tendem a ter os dois dedos (anelar e indicador) mais ou menos do mesmo tamanho enquanto que os homens tendem a ter o anelar maior. A razão entre o tamanho do dedo indicador em relação ao anelar denomina-se razão 2D:4D e uma razão alta é considerada “feminina” enquanto que uma razão baixa é considerada “masculina”.
 

 

Quanto às crianças autistas, a equipa observou que estas têm anelares extremamente longos em relação aos indicadores. Isto sugere que uma exposição exagerada à testosterona durante as primeiras semanas de gestação levou à ampliação de características masculinas normais, como dificuldades na linguagem e empatia, sintomas de autismo.
 

 

Fonte: New Scientist
 

 

Para ver os artigos completos clicar nos seguintes links:
 

 

- Pointer for autism
 

 

- Fingers may reveal sexuality, fertility and musical ability

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.