O fim das rugas?

Médicos britânicos dizem ter descoberto a «cura»

17 janeiro 2005
  |  Partilhar:

 As rugas da idade têm os dias contados. Pelo menos, é o que espera uma equipa de médicos britânicos. Jim Haslam e Gordon Dougal aplicaram luz infravermelha na região dos olhos de 40 voluntários e 95 por cento deles disseram ter notado a diferença.Os voluntários usaram uma pequena máquina, chamada de Restorelite, que estimula a elastina, a substância que dá firmeza à pele.Segundo os médicos, a técnica pode «rejuvenescer» uma pessoa em cerca de dez anos. A máquina custa 110 libras (157 euros). Além de terem feito os testes, os médicos dizem ter gasto 30 mil libras (cerca de 42 mil euros) em estudos sobre o Restorellite na Universidade de Sunderland. «Como em tantas outras descobertas médicas, o efeito benéfico (da luz infra-vermelha) foi revelado por acaso», disse Haslam à BBC. «E os resultados têm sido fantásticos. Nenhum dos nossos voluntários quis devolver o tratamento.»As experiências têm-se centrado na pele das pálpebras e na região imediatamente adjacente aos olhos, mas, segundo os cientistas, não há razões para que a pele de outras regiões não possam ser tratadas.O médico alerta, no entanto, que as pessoas não devem esperar que a maquina faça desaparecer todos os «pés de galinha».«A tecnologia é tão nova que nós não sabemos se os efeitos são acumulativos quando o tratamento é feito durante mais de dois meses. O senso comum indica que em algum momento o tratamento deve findar.»O outro médico responsável pela experiência, Gordon Dougal, destacou que uma das vantagens do Restorellite é ser fácil de utilizar. «As pessoas podem ficar sentadas a ver televisão e pôr o aparelho durante 15 a 30 minutos por dia – dependendo da quantidade de rugas.»Para a porta-voz da fundação de dermatologia da Grã-Bretanha, Elly Brenchley, a descoberta é «interessante», mas ressaltou serem necessárias mais investigações.Traduzido e adaptado por:Paula Pedro MartinsJornalistaMNI-Médicos Na Internet 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.