Novo meio de multiplicar células estaminais humanas do sangue

Método poderá abrir novas estratégias terapêuticas

29 outubro 2003
  |  Partilhar:

Uma equipa do Instituto Cochin, de Paris, disse ter desenvolvido um novo método para multiplicar o número das células estaminais humanas do sangue, o que poderá abrir caminho a novas estratégias terapêuticas.As células estaminais do sangue (também chamadas células estaminais hematopoiéticas) têm a propriedade de se transformarem em qualquer célula sanguínea ao longo de toda a vida.Estando a maioria delas na medula óssea e, em menor quantidade, no sangue, estas células têm a capacidade de se renovarem ou diferenciarem para reconstituir o conjunto das células do sangue do indivíduo, nomeadamente após um transplante.Deste modo, uma célula estaminal pode, em princípio, tornar-se indiferentemente uma célula do coração, do braço ou do intestino, mas o número destas células é muitas vezes insuficiente para se considerar a sua utilização no quadro de enxertos de medula ou terapias celulares ou genéticas.Para contornar este inconveniente, os investigadores esforçaram- se por encontrar meios de favorecer a sua multiplicação, recorrendo nomeadamente a factores de crescimento.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.