Nova tecnologia poderá detectar cancro pelo hálito

Empresa norte-americana espera licença para comercialização

11 setembro 2005
  |  Partilhar:

 

 

 

A companhia Menssana Research Inc., de Nova Jersey (EUA) , desenvolveu uma tecnologia capaz de diagnosticar doenças, rejeição de órgãos transplantados, e até mesmo cancro, por meio da análise do hálito do paciente. A informação divulgada na revista on-line Magnet refere que com o novo método seria possível identificar cancro do pulmão, cancro da mama, doenças dos rins e diabetes através de um sopro dado pelo paciente.
 

 

A empresa, que ainda está a trabalhar no aperfeiçoamento do novo teste, espera que o uso da sua tecnologia se torne tão comum quanto os exames de sangue e urina. No entanto, um dos cientistas responsáveis pelas experiências com o diagnóstico através do hálito, Michael Phillips, alerta para o facto de que a tecnologia não deverá substituir totalmente outros métodos de análises clínicas, como biopsias e tomografias. O investigador americano espera agora pela licença para produzir e vender a sua tecnologia a médicos e hospitais.
 

 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.