Neutralizar proteína pode dar mais tempo no tratamento da Peste Pulmonar

Estudo publicado na “Science”

27 fevereiro 2007
  |  Partilhar:

A patogenicidade da bactéria Yersinia pestis, fatal em poucos dias, é atenuada quando existe ausência de uma proteína, segundo um estudo publicado nos EUA. Esta descoberta pode vir oferecer um tempo precioso no tratamento e salvamento das vítimas, uma vez que a rapidez de intervenção é essencial para combater eficazmente esta infecção que mata em apenas três ou quatro dias, e que pode vir a ser utilizada por bio-terroristas, explicam os autores da investigação, publicada na revista Science. A bactéria responsável pela “peste pulmonar”, Yersinia pestis, é vulnerável aos antibióticos mas o tempo que esta infecção, cujos sintomas se assemelham aos de uma Gripe, demora a ser identificada e conduz, muitas vezes, "a que seja já tarde demais para começar o tratamento", afirma William Goldman, professor de Microbiologia Molecular na faculdade de medicina Washington da St. Louis University, no Missouri, EUA, e principal autor do estudo. Os investigadores inocularam em ratinhos uma bactéria que causa uma peste similar à que atinge os humanos e descobriram que a Yersinia pestis parece utilizar uma proteína, cuja função é de dissolver coágulos sanguíneos, para se propagar mais rapidamente nos pulmões e no baço. Os autores deste estudo esperam que os laboratórios farmacêuticos possam iniciar em breve investigações para conseguir neutralizar esta proteína. A bactéria Yersinia pestis é muito conhecida por ter causado a peste negra que assolou a Europa na Idade Média e que matou cerca de um terço da população do continente. "A peste pulmonar é preocupante porque raramente surge de forma natural - uma das suas raras epidemias foi no Congo em 2005 - e também porque pode ser utilizada por bio-terroristas", acrescenta Goldman. Fontes: Lusa e Imprensa Internacional MNI- Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.