Natalidade em Portugal subiu em 2002

Aumento ronda os 1,4 por cento, indica estudo do INE

17 julho 2003
  |  Partilhar:

A natalidade em Portugal cresceu 1,4 por cento em 2002 e os portugueses, tanto os homens como as mulheres, têm filhos cada vez mais tarde, revela um estudo divulgado esta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).
 

 

O estudo «Estatísticas Vitais - Natalidade, Resultados Definitivos de 2002» indica também que o número de nascimentos fora do casamento voltou a subir.
 

 

Em 2002 nasceram em Portugal 114.456 crianças, mais 1.631 do que em 2001, o que representa um aumento de 1,4 por cento, e verificou- se um decréscimo de 12% de crianças nascidas dentro de casamento.
 

 

O estudo do INE assinala também que as famílias portuguesas têm optado progressivamente pelo filho único ou - quando muito - por dois filhos, enquanto os casais com três ou mais filhos são cada vez mais raros.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.