Nasa investiga corpo humano como fonte de energia
12 dezembro 2001
  |  Partilhar:

Que o corpo humano produz energia, não é novidade para ninguém, mas que a queiram aproveitar em operações militares remotas e missões espaciais já é outro assunto. É mesmo isso que a Nasa - agência espacial norte-americana - em conjunto com o Pentágono estão a planear.
 

 

Até pode parece argumento de filme de ficção científica, como o recente “Matrix”, mas é pura realidade. O que estas duas entidades estão a planear é mesmo utilizar a energia do corpo humano em actividade normal - que produz calor, movimento, compressão e extensão - para utilizar em operações militares remotas e missões espaciais.
 

 

Um corpo humano com uma média de 15 por cento de gordura é capaz de produzir até 11.000 watts por hora, dizem os cientistas do Centro de Investigação Electrónica Avançada e Energia para o Espaço da Nasa.
 

 

 

Falta, no entanto, saber ao certo como se efectua esse processo. Os cientistas da Nasa já sabem que a quantidade de energia produzida por um indivíduo é suficiente para ser transformada em energia utilizada em equipamentos electrónicos. Mas o entrave é mesmo descobrir “um método eficaz de conversão de uma pequena fracção dessa energia em electricidade".
 

 

Apesar da investigação ainda pertencer ao universo da ficção, os cientistas da Nasa que trabalham no assunto vão já adiantando algumas pistas para quanto o processo for possível. Por exemplo, enquanto dorme, uma pessoa teria 81 watts prontos para serem utilizados, mas ao caminhar já produz 163.
 

 

Paula Pedro Martins
 

MNI - Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.