Mulheres sentem-se estigmatizadas com a queda de cabelo

Inquérito junto de duas mil pessoas

14 janeiro 2010
  |  Partilhar:

Num inquérito realizado junto de duas mil mulheres que apresentam problemas de queda de cabelo, 43% dizem sentir-se estigmatizadas e com uma percepção negativa da sua imagem.

 

O estudo foi realizado por uma empresa especializada em produtos naturais, que opera em Portugal.

 

Em 2008, a primeira edição deste estudo revelava já que se tratava de um problema que atingia uma em cada duas mulheres. Agora, a edição de 2009, que teve por base uma amostra de duas mil mulheres com problemas de queda de cabelo, demonstrou que 37% têm uma auto-imagem negativa, sendo que 46% destas mulheres se sentem menos atraentes, 24% dizem-se mais vulneráveis e 20% chegam mesmo a sentir-se constrangidas em situações sociais.
 

Das 43% das mulheres que se dizem estigmatizadas com este problema de saúde, 27% revelam também que este problema altera a percepção que os outros têm de si.

 

A queda de cabelo na mulher pode surgir devido a situações tão comuns no universo feminino como o parto, a menopausa, stress físico ou psicológico ou, ainda, como consequência de dietas radicais.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.