Mudança da hora pode ser prejudicial a longo prazo

Estudo publicado na revista “Current Biology”

27 outubro 2007
  |  Partilhar:

A mudança da hora legal, que acontece este domingo, pode ter efeitos prejudiciais na saúde a longo prazo, dado que o ritmo biológico não se ajusta imediatamente, revela um estudo publicado na versão online da revista “Current Biology”.
 

 

Uma equipa de investigadores alemães fez um vasto estudo que examinou os padrões de sono de cerca de 55 mil pessoas na Europa central e concluiu que o tempo biológico de dormir segue a progressão natural do amanhecer, segundo um tempo padrão que não é o estabelecido pela mudança legal da hora.
 

 

Num segundo estudo, foi analisado em 50 pessoas o tempo de sono e de actividade durante as oito semanas que seguem cada uma das duas mudanças de hora, na Primavera e no Outono, tendo em conta as preferências de cada relógio biológico individual, ou “cronotipos”, das primeiras horas do dia ao horário nocturno.
 

 

Descobriram que os níveis de actividade e de sono se ajustam mais rapidamente à mudança da hora no Outono e que, ao início, o tempo em que o organismo está activo não se ajusta à mudança da hora na Primavera, especialmente naqueles que gostam de estar acordados até tarde. "Depois de examinar estes ajustamentos periódicos nos participantes, os nossos resultados mostram que, de uma forma geral, o ciclo circadiano não se ajusta à transição da mudança da hora", disse Till Roenneberg, da Universidade Ludwig-Maximilian em Munique.
 

 

"Pensamos que a mudança de tempo forçada pelas transições da mudança da hora é só uma hora, mas essa alteração tem de longe efeitos drásticos, quando vistos no contexto da mudança sazonal nos relógios biológicos ou ciclos circadianos", acrescentou o cientista.
 

 

A equipa de investigadores inclui ainda Thomas Kantermann e Myriam Juda da Universidade de Ludwig-Maximilian em Munique e Martha Merrow da Universidade de Groningen, em Haren.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.