Morte por cancro e doenças cardiovasculares aumentam em Portugal

Dados do Instituto Nacional de Estatística

08 abril 2014
  |  Partilhar:

Mais de metade das mortes em Portugal é causada por cancro e por doenças cardiovasculares, tendo os tumores malignos registado um aumento nos últimos anos, revelam os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).
 

Divulgado a propósito do Dia Mundial da Saúde, que se assinalou a 7 de abril, o boletim do INE sobre saúde mostra que, entre 2002 e 2012, os casos de cancro aumentaram e ultrapassaram os 23% no total das causas de morte, apurou a agência Lusa.
 

Só em 2012, morreram uma média de 70 pessoas por dia em Portugal por tumores malignos e, em 10 anos, a taxa bruta de mortalidade aumentou 14,1%.
 

As doenças do aparelho circulatório representaram no último ano analisado mais de 30% do total dos óbitos no país. Ainda assim, a taxa bruta de mortalidade destas doenças diminuiu 21%.
 

As doenças respiratórias e a diabetes tiveram também um peso relevante no total de mortes, representando, respetivamente, 13% e 4,5% dos óbitos totais. Portugal regista, relativamente a estes dois tipos de doenças, uma “situação mais grave do que a observada ao nível da União Europeia a 28”.
 

Aliás, na década estudada, as doenças respiratórias apresentaram um crescimento continuado no total de óbitos: 8,6% entre 2002 e 2004 e 11% entre 2005 e 2010.
 

Comparativamente, ao nível europeu verificou-se uma estabilização da proporção destas mortes entre 2002-2010, numa variação entre 7,5% das mortes e os 8%.
 

O mesmo boletim do INE mostra que o atendimento em serviço de urgência quase duplicou numa década nos hospitais privados, que registaram também um reforço do número de camas de internamento. Nos hospitais públicos verificou-se o contrário, tendo estas instituições perdido três mil camas.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.