Mortalidade infantil baixa 28% nos últimos 18 anos

Dados da Unicef

14 setembro 2009
  |  Partilhar:

O relatório anual da Unicef refere que a taxa de mortalidade de crianças menores de cinco anos baixou mundialmente entre 1990 e 2008.

 

De acordo com os dados divulgados, a mortalidade global de menores de cinco anos diminuiu regularmente ao longo das últimas duas décadas: em 1990 registavam-se 90 mortes por mil nados vivos, valor que passou para 65 mortes por mil em 2008, ou seja menos 28%.

 

Os peritos em saúde pública atribuem o declínio continuado da mortalidade ao recurso cada vez mais frequente a intervenções cruciais na área da saúde, como a imunização, incluindo a vacinação contra o sarampo, a utilização de redes mosquiteiras impregnadas de insecticida para prevenir a malária e a suplementação de vitamina A.

 

Contudo, a África e a Ásia continuam, em conjunto, a representar 93% de todas as mortes de crianças com menos de cinco anos que ocorrem anualmente nos países em desenvolvimento. O fundo das Nações Unidas para as crianças considera que a percentagem global de melhoria ainda é insuficiente para alcançar a meta fixada nos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM): reduzir em dois terços a mortalidade de menores de cinco anos entre 1990 e 2015.

 

Estas estimativas resultam da análise de diversas fontes de dados por peritos da Unicef, da Organização Mundial de Saúde (OMS), do Banco Mundial e da Divisão de População das Nações Unidas, sob a orientação de consultores técnicos de instituições académicas.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.