Mortalidade infantil aumentou em Portugal

Lisboa, Alentejo, Algarve e Açores são os distritos mais afectados

15 janeiro 2004
  |  Partilhar:

A mortalidade infantil aumentou entre 2001 e 2002 em Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo, Algarve e Açores, tendo esta última região ultrapassado ligeiramente a média nacional de cinco mortes em cada mil nascimentos, revelou Quarta-feira um especialista.Os dados apresentados por Albino Aroso, presidente da Comissão Nacional de Saúde Materna e Neo-natal, revelam ainda um crescimento global do número de óbitos no primeiro dia após o nascimento (159 em 2002), com particular incidência no sul do país.No mesmo período, apenas a região Norte de Portugal registou uma diminuição da mortalidade infantil, para valores idênticos aos da média nacional. Para o especialista, que intervinha no fórum «Mais e Melhor Saúde», que decorreu Quarta-feira em Lisboa, a «desorganização entre as instituições» ligadas ao nascimento e acompanhamento das grávidas pode ter algumas responsabilidades no aumento da mortalidade de recém-nascidos e crianças em Portugal.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.