Morreu Jay Gould : O cientista que impugnou as teorias de Darwin
22 maio 2002
  |  Partilhar:

O investigador Stephen Jay Gould, que impugnou com os seus escritos alguns aspectos da teoria de Charles Darwin sobre a evolução, morreu segunda-feira vítima de cancro, disse fonte da Universidade de Harvard, a que pertencia.
 

 

Gould, 60 anos, sofria há 20 anos de um tipo de cancro associado à exposição ao amianto.
 

 

Escreveu mais de 20 livros e centenas de ensaios para aproximar a ciência do grande público, entre os quais se destacam alguns com críticas à teoria da Evolução de Darwin, que abordou a partir da década de setenta.
 

 

Jay Gould foi um dos mais conhecidos defensores da teoria do evolucionismo, apesar de adaptada aos novos tempos.
 

 

Era professor de geologia e de zoologia na Universidade de Harvard, Estado norte-americano do Massachusetts, e organizador de exposições no Museu de Paleontologia de Invertebrados.
 

 

Considerava a evolução humana como "uma ocorrência cósmica fortuita" e estava muito entusiasmado com a ideia da evolução, como afirmam vários dos seus companheiros ao analisarem a sua trajectória científica e intelectual.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.