Morre terceiro paciente com coração artificial
18 fevereiro 2002
  |  Partilhar:

O terceiro homem que recebeu o transplante de um coração artificial autónomo morreu ontem, aos 69 anos de idade, por complicações surgidas depois de um ataque cardíaco que sofreu há duas semanas, segundo informou o médico da clínica onde estava internado.
 

 

O chefe da unidade de transplantes do Hospital Episcopal Saint Luke, de Houston, O.H. Frazier, identificou o paciente como Bobby Harrison, que recebeu o coração de plástico e titânio (Abiocor) em Setembro.
 

 

O aparelho, do tamanho de uma laranja, funciona de maneira autónoma graças a uma bateria que o paciente porta no abdómen e que é recarregada através da pele. Até agora seis pacientes terminais receberam o coração, mas quatro deles acabaram por morrer.
 

 

"A sua disposição em ajudar levou a novas informações que poderão ser usadas para salvar mais vidas num futuro não muito distante", disse o chefe do serviço de transplantes cardiopulmonares do Hospital Episcopal Saint Luke, de Houston, O.H.. Fraizer denominou Bobby Harrison de "um homem admirável".
 

 

Especialistas acreditam que, apesar de todos os esforços, as complicações em pacientes que recebem o coração artificial são praticamente inevitáveis. O coração, conhecido como Abiocor, é de plástico e titânio, pesa um quilo e destina-se a pacientes que retiraram o órgão original.
 

 

O seus sistemas de recarregamento da bateria - sem a necessidade de fios que atravessam a pele e ligam o coração a uma fonte externa - faz com que seja menor o risco de infecção.
 

 

O primeiro Abiocor foi usado pela primeira vez em Julho de 2001. Harrison estava gravemente doente com 70 por cento de probabilidades de viver mais 30 dias, por isso, foi o terceiro paciente a receber o coração artificial, que batia no seu peito desde o dia 26 de Setembro. Graças ao aparelho, Harrison pôde comemorar o último aniversário, em Janeiro.
 

 

Paula Pedro Martins
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.