Ministro da Saúde proíbe idas a dois congressos

Médicos do Estado não poderão assistir a colóquios no Chile e Índia

25 setembro 2001
  |  Partilhar:

Todos os médicos que trabalham para o Estado foram proibidos, pelo ministro da Saúde, Correia de Campos, a participarem em dois congressos médicos que se vão realizar em Santiago do Chile, de 15 a 18 de Outubro, e na Índia, de 24 de Outubro a 2 de Novembro.
 

 

Em despacho, enviado ao jornal «Correio da Manhã», Correia de Campos explica que estas iniciativas têm «elevado interesse turístico», mas nenhum «interesse para o serviço» onde os profissionais trabalham.
 

 

Além disso, e segundo a opinião de Correia de Campos, as idas a congressos têm enormes custos para o Serviço Nacional de Saúde (SNS).
 

 

Apesar disso, o ministro da Saúde deixa claro que os interessados podem participar naqueles programas, mas «a expensas próprias e no seu período de férias».
 

Caso os especialistas teimem em ir, o governante avisa, desde já, que estão a violar a lei e que serão punidos.
 

 

Reforçando a ideia, Correia de Campos recorda aos conselhos de administração das Administrações Regionais de Saúde, aos coordenadores das sub-regiões de Saúde e aos directores de centros de Saúde e hospitais que a lei sobre a ida a congressos é para cumprir e garante que os profissionais que violarem as regras poderão ser responsabilizados disciplinar e criminalmente, para além de punidos com coimas que variam entre os 100 contos os nove mil contos.
 

 

Em declarações ao «Correio da Manhã», o bastonário da Ordem dos Médicos, Germano de Sousa, declarou que o ministro da Saúde tem «todo o direito de não permitir que um médico vá, em comissão de serviço, a um congresso que não tenha grande interesse cientifico, uma vez que é o MS que paga». Mas alerta: «o importante é que isto não sirva para se evitar a ida a outros congressos com verdadeiro interesse para os profissionais».
 

 

Paula Pedro Martins
 

 

MNI - Médicos Na Internet
 

 

Fonte: Correio da Manhã
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.