Ministra da Saúde admite acabar com clínica privada nos hospitais públicos
16 abril 2001
  |  Partilhar:

A ministra da Saúde, Manuela Arcanjo, admitiu hoje, no Porto, a possibilidade de acabar com a clínica privada nos hospitais públicos, se essa for "a melhor solução para os utentes".
 

 

Será feita uma reflexão sobre as vantagens e os inconvenientes do exercício da clínica privada legal e regular nos hospitais públicos, podendo vir a criar-se uma legislação muito mais fina e detalhada ou então, no limite, acabar com a clínica privada, acrescentou.
 

 

De acordo com a ministra, até final do mês de Abril, será nomeada uma comissão para avaliar as vantagens e inconvenientes da prática de clínica privada na instituições hospitalares públicas.
 

 

Manuela Arcanjo falava aos jornalistas à chegada ao Instituto Português de Oncologia do Porto, onde preside às comemorações do 27º aniversário da instituição.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.