Microscópio sem lente ajuda no teste de fertilidade masculina

Projecto da University of California

19 outubro 2010
  |  Partilhar:

Cientistas norte-americanos da University of California, em Los Angeles, desenvolveram um microscópio de telemedicina, portátil e sem lente, capaz de ampliar imagens de amostras de sémen e identificar a mobilidade dos espermatozóides.

 

Através da utilização de um sistema de imagens holográficas, o microscópio de telemedicina pode produzir imagens de saliva, sangue, sémen e outras amostras líquidas. O sistema é capaz de realizar, de imediato, a contagem do número de espermatozóides de uma amostra, e ao comparar 20 imagens holográficas captadas 10 segundos antes, consegue identificar quais são os espermatozóides móveis e os imóveis.

 

Apesar dos potenciais benefícios do teste de fertilidade masculina automatizado e portátil, o padrão actual para a análise do sémen envolve o uso de um microscópio óptico, método que não é possível realizar fora de um ambiente de laboratório. Além disso, os sistemas automatizados capazes de combinar os resultados da contagem manual são muito dispendiosos para se generalizarem.

 

O microscópio de telemedicina livre de lentes preenche uma lacuna importante para a realização de simples testes de fertilidade masculina que determinam o número de espermatozóides numa amostra, sendo que estes sistemas mais sofisticados também fornecem informações sobre a mobilidade dos espermatozóides. Essa tecnologia fornece um sistema portátil e automatizado para análise de sémen, que pode ser usado em clínicas de fertilidade, em kits de teste pessoal de fertilidade masculina e para aplicações no âmbito da medicina veterinária.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.