Meu querido computador...

Pessoas são «leais» às máquinas

03 maio 2004
  |  Partilhar:

Há pessoas que desenvolvem laços afectivos com bonecos, carros ou até mesmo com peças de vestuário. Por isso, não é de estranhar que exista quem sinta um carinho especial por determinado computador. Esta foi a conclusão a que chegou uma equipa de investigadores da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos.  Esperar para poder usar a sua «máquina» favorita no local de trabalho é um comportamento normal entre os voluntários avaliados pelos cientistas. Esta proximidade reflecte a tendência em atribuir características humanas às máquinas, mas também o gosto das pessoas por consistência, segundo os investigadores. O objectivo desta investigação era tentar descobrir até onde as pessoas estavam preparadas para se manterem fiéis ao seu PC favorito. Para o estudo, analisaram o comportamento de estudantes universitários que usavam 800 terminais de computador. E descobriram que cada estudante gostava de sentar-se à frente de um ou dois computadores específicos, mesmo com outros disponíveis.As pessoas que podiam escolher entre várias opções tinham as suas máquinas preferidas. E algumas estavam dispostas a esperar na fila para poderem usar um determinado computador.Para o co-director do Laboratório de Pesquisa da universidade, Shyam Sundar, «é bem conhecida a relação com os computadores como se eles tivessem sentimentos, mas, no fundo, foram pré-programados por seres humanos».O professor Sundar acredita que tanto os fabricantes como os publicitários poderiam aprender mais com os resultados do estudo. Em geral, os computadores são introduzidos no mercado como objectos de vida curta que podem ser trocados sem o menor problema. Em entrevista à BBC, Sundar disse que «talvez fosse uma estratégia melhor apresentar os computadores como objectos duráveis e fiáveis, algo que se desenvolve juntamente com o dono».Traduzido e adaptado por:Paula Pedro MartinsJornalistaMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.