Metade dos portugueses desinteressada em aprender

Eurobarómetro sobre a aprendizagem ao longo da vida

06 maio 2003
  |  Partilhar:

Portugal e Espanha são os países da União Europeia onde é mais elevada a percentagem de pessoas que afirmam não estar interessadas na aprendizagem, com 50 e 47 por cento respectivamente, segundo foi divulgado em Bruxelas.
 

 

De acordo com o último inquérito do Eurobarómetro sobre a aprendizagem ao longo da vida (entre 15 de Janeiro e 28 de Fevereiro deste ano, na UE, Noruega e Islândia), em média mais de um terço dos cidadãos europeus não participa actualmente em qualquer forma de ensino ou formação.
 

 

Um em cada dezena de cidadãos europeus revelou não ter vontade de aprender, sendo a falta de tempo e os problemas financeiros maioritariamente apresentados como obstáculos à aprendizagem ao longo da vida.
 

 

Em matéria de aptidões e competências para progredir na Europa do conhecimento, a grande maioria dos europeus considera dispor das primeiras (leitura, escrita, cálculo) e necessitar de mais relativamente às segundas (tecnologias de informação e comunicação, línguas estrangeiras, aptidões sociais).
 

 

Fonte: Lusa
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar