Metade dos chineses com mais de 40 anos sofre de impotência

Maioria recusa procurar ajuda

06 setembro 2004
  |  Partilhar:

 Mais da metade dos homens chineses com mais de 40 anos sofrem de impotência sexual, e a maioria deles recusa-se a fazer tratamento, segundo um estudo citado pela agência de notícias «Nova China». A pesquisa, realizada com uma amostra de mil pessoas durante seis meses nas principais cidades chinesas, revelou que 52,5 por cento dos homens de mais de 40 anos têm problemas de impotência. O estudo foi realizada pelo Hospital do Povo de Pequim. Os homens que sofrem com esse tipo de problema só consultam um médico em média 22 meses depois do aparecimento dos primeiros sintomas. Nas grandes cidades, como Pequim e Xangai, esse prazo ultrapassa os 30 meses. Segundo os médicos que participaram do estudo, problemas físicos são a causa da doença em 80 por cento dos casos. Nos 20 restantes, trata-se de problemas psicológicos, como o stress ou ansiedade. O medo de ser exposto ao ridículo é a principal razão pela qual os homens não consultam um médico rapidamente. Mas o custo do tratamento também desanima uma grande parte dos que precisam de ajuda. Paula Pedro MartinsJornalistaMNI- Médicos na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.