Menopausa poderá afectar a qualidade da voz feminina

Estudo realizado por investigadora portuguesa

16 fevereiro 2009
  |  Partilhar:

A investigadora portuguesa, Filipa Lã, da Universidade do Porto, está a braços com um projecto que visa perceber se a terapêutica hormonal de substituição afecta a voz das mulheres em fase de menopausa.
 

 

Em declarações à agência Lusa, a investigadora adiantou que a fase preliminar deste estudo já foi concluída. O estudo consiste na avaliação da evolução de um grupo de cem mulheres que utilizam a voz profissionalmente e que estão a ser submetidas a terapêutica hormonal de substituição ou ao uso de um placebo, como grupo controlo.
 

 

As conclusões deste estudo permitirão demonstrar quais as modificações ao nível da voz e perceber em que medida o tratamento hormonal melhora a sua qualidade, revela o orientador do projecto, Luís Silva Carvalho, do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Faculdade de Medicina do Porto.
 

 

Este estudo conta ainda com a colaboração do professor de acústica vocal, Johan Sundberg, do Departamento de Fala, Música e Audição da Universidade de Uppsala, Suécia, o qual é considerado um dos maiores nomes a nível mundial na investigação sobre a voz.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.