Médicos trabalham 12 horas para reimplantar braço a garoto atacado por tubarão
08 julho 2001
  |  Partilhar:

Uma grande equipa cirúrgica norte-americana, incluindo três cirurgiões, trabalhou durante 12 horas para reimplantar o braço a um garoto de 8 anos atacado, sexta-feira, por um tubarão numa praia da Flórida.
 

 

Apesar do trabalho dos cirurgiões, o rapaz continua em estado crítico, segundo informações divulgadas hoje pelo hospital onde está internado. Segundo os médicos, o braço poderá crescer normalmente, mas levará alguns meses até se saber se foram recuperadas todas as funções.
 

 

Um dos cirurgiões disse que quando o rapaz chegou ao hospital não tinha pulso nem tensão arterial.
 

 

O rapaz estava na água na Costa Nacional de Gulf Islands, no Estado norte-americano da Florida, quando foi atacado.
 

 

O tio do rapaz conseguiu arrastar o tubarão para a praia e, um outro homem forçou com uma alavanca a boca do tubarão, para retirar o braço do rapaz.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.